Microsoft Cloud: Azure e Office 365

Microsoft Cloud: Azure e Office 365

Microsoft Cloud é a definição para os serviços em nuvem da Microsoft, que abrange serviços como o Microsoft Azure e o Microsoft Office 365. Cada um desses serviços possui uma série de soluções, principalmente empresariais, que estão dentro do conceito de fornecimento de softwares como serviços, além do armazenamento e compartilhamento em nuvem.

microsoft cloud

Neste artigo vamos tentar entender o que cada um desses serviços da Microsoft oferece para usuários corporativos e também domésticos.

Aplicativos em cloud

Atualmente diversos fabricantes de software estão optando por este novo modelo de comercialização de seus produtos. Há um tempo atrás só era possível pagar um valor fixo para a compra de um software ou aplicativo, e você poderia utilizar esse aplicativo por tempo indeterminado.

Hoje em dia, esses serviços em cloud como o Microsoft Azure, o Microsoft Office 365 e serviços de outras empresas como a Adobe, com o Creative Cloud e o Document Cloud, oferecem os recursos de seus aplicativos mediante o pagamento de mensalidades, além de uma série de outros serviços que a nuvem possibilita.

Os aplicativos em nuvem possibilitam aproveitar o máximo de suas novas versões e atualizações, além dos recursos em cloud que disponibilizam. Com essa nova forma de disponibilizar os aplicativos, também é possível utilizar seus recursos a partir de mensalidades, valores mais acessíveis do que antes, já que era preciso comprar os aplicativos, que tinham valores bem altos.

Microsoft Azure

O Microsoft Azure foi lançado em 2010, com o nome de Windows Azure, recebendo o nome atual em 2014. Ele é um conjunto de serviços que auxiliam na organização e gerenciamento de empresas, através do qual você pode acessar aplicativos, documentos, planilhas, arquiteturas, documentações, tutoriais e modelos.

microsoft azure

As soluções oferecidas pelo Microsoft Azure são personalizadas de acordo com o setor de atuação, como:

  • Governo
  • Varejo
  • Saúde e ciências
  • Financeiro
  • Manufatura
  • Jogos

Alguns dos aplicativos, serviços e recursos acessíveis a partir da assinatura do Azure são:

  • Internet das coisas
  • Inteligência artificial
  • Aplicativos de nuvem híbrida
  • Comércio eletrônico
  • Aplicativos de LOB
  • Share Point
  • DevOps
  • Aplicativos SaaS
  • Marketing digital
  • Serviços para dispositivos móveis
  • Dynamics para ERP
  • Recursos SAP
  • Soluções Red Hat
  • Desenvolvimento e teste
  • Monitoramento
  • Business Intelligence
  • Big data
  • Data Warehouse
  • Backup e recuperação
  • Serviços de mídia digital
  • Computação de alto desempenho
  • Blockchain
  • Aplicativos de microsserviço
  • Serviços e recursos para jogos

Acho que com essa lista dá para entender melhor porque o Microsoft Azure é um serviço corporativo, não é verdade?

Office 365

O Office 365 é, basicamente, a versão em nuvem para a suíte de aplicativos Microsoft Office 2016, incluindo serviços de armazenamento em nuvem e ligações VoIP através do Skype.

A diferença fundamental entre o Office 365 e o Office 2016, é que este último pode ser adquirido pelo modelo de compra de licença, o que permite seu uso por tempo indeterminado, enquanto o 365 oferece os aplicativos da versão 2016 pelo modelo de assinatura.

Ambos oferecem a suíte de aplicativos mais recentes do Office, que inclui:

  • Word
  • Excel
  • PowerPoint
  • Outlook
  • OneNote
  • OneDrive
  • Publisher
  • Access

Diferente do Microsoft Azure, que é um serviço praticamente exclusivo para empresas, o Microsoft Office 365 possui versões de assinaturas para a família, permitindo o uso em até 5 dispositivos Suas versões para negócios incluem ainda:

  • Exchange
  • SharePoint
  • Teams
  • Skype for Business
  • Bookings
  • StaffHub
  • Licenças adicionais para dispositivos móveis
  • Videoconferência para até 250 pessoas

O 365, assim como todo serviço com mensalidade em nuvem, é atualizado automaticamente para as versões mais recentes dos aplicativos e fornece acesso aos seus recursos apenas enquanto a mensalidade estiver sendo paga.

A Microsoft Cloud veio para ficar

A Microsoft Cloud, hoje representada principalmente por esses dois serviços que mostramos aqui, o Microsoft Azure e o Microsoft Office 365, parece ser o modelo de negócio para softwares, ou aplicativos, que teremos no futuro.

Essa não é uma tendência exclusiva da Microsoft, mas do mercado de softwares em geral. Pagar 300 Reais, por exemplo, pelo Microsoft Office, parece ser bem menos amigável do que a opção de pagar cerca de 30 Reais por mês pelo seu uso, embora ambas as opções tenham as suas vantagens e desvantagens.

A utilização de serviços em nuvem permite a entrega de mais e melhores recursos, enquanto que para as empresas do ramo, parece ser uma boa forma de lidar com a questão dos softwares ilegais.

O que você prefere, pagar para mais para ter uma versão de software para sempre, ou pagar uma mensalidade para ter as mais atualizadas versões?

2018-08-25T17:42:08-03:00 0 Comments

Deixe um comentário